(15) 3532-3523 (15) 998147-0102 | contato@viaparkurbanismo.com

Tudo o que você precisa saber para escolher um condomínio fechado!

De 18 de abril de 2019Qualidade de Vida
Condominio Fechado

Como escolher um condomínio fechado que realmente seja um bom local para morar? Essa é uma pergunta frequente entre aqueles que estão se planejando para comprar um imóvel pronto ou mesmo um lote em um residencial para construir uma casa, o que hoje se tornou um dos investimentos mais buscados e valorizados no mercado imobiliário.

Afinal de contas, o residencial não só atende às necessidades básicas de uma família, oferecendo segurança, comodidade, lazer e conforto, mas, acima de tudo, proporciona qualidade de vida para adultos e crianças. Por isso, preparamos um artigo especial para deixá-lo a par de todos os detalhes que você deve conhecer e avaliar antes de fechar negócio, fatores que influenciam o seu perfil de comprador e as vantagens de residir nesse espaço. Acompanhe!

O que saber antes da compra?

Para começar, reunimos alguns pontos que merecem sua atenção durante o processo de como escolher um condomínio fechado, em especial ao analisar um lote nesse espaço. Logo, todos eles têm relevância e podem impactar — a curto, médio e longo prazo — sua qualidade de vida, seu conforto, a integridade da sua família, as ideias que você tem para a estrutura do imóvel e a segurança do investimento que será feito. Por isso, veja quais são!

Localização do residencial

Ter uma boa localização é indispensável para que o condomínio escolhido seja uma opção válida de investimento e o principal: com o passar dos anos, tenha um potencial positivo e crescente de valorização. Mas o que posso usar como parâmetro para dizer se o residencial é ou não bem localizado?, você deve estar se questionando.

Saiba que alguns indicadores são:

  • a quantidade de pontos comerciais no local (supermercados, padarias, bancos, sorveterias, restaurantes etc.);
  • a existência de praças e parques ecológicos em um raio de 2 km de distância;
  • o projeto urbanístico da região (harmonia entre as edificações e as vias públicas);
  • o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do bairro.

Condições ambientais da região

Fora a localização, é indispensável se informar a respeito das condições ambientais da região. Ou seja, pesquisar sobre problemas de zoneamento que a prefeitura tenha tido no local nos últimos anos, registros impressos e virtuais sobre os danos causados no bairro em períodos de chuva (como alagamentos, lamaçais, enchentes e inundações), possíveis riscos de desabamentos de morros e encostas no entorno do condomínio (caso existam, é claro) etc.

Dessa forma, dá para saber de antemão se a área está sujeita a enfrentar problemas com frequência ou não e como esses incidentes vão afetar a sua rotina, a construção do seu imóvel e, inclusive, a valorização da propriedade no futuro.

Infraestrutura do local

Confira também todos os detalhes da infraestrutura do loteamento residencial que pode ser o seu futuro lar para garantir que ela corresponda ao prometido pela empresa que o projetou.

Certifique-se, por exemplo, de que existem serviços de abastecimento de água e esgoto funcionando corretamente, veja se as ruas estão asfaltadas e as calçadas são regulares e uniformes, se há iluminação noturna adequada nas áreas de circulação, nos espaços de lazer, no pátio, na guarita e na entrada/saída de veículos. Lembre-se de que todos esses detalhes impactam diretamente sua segurança, seu conforto e a preservação do seu patrimônio.

Preservação das áreas verdes ao redor

Um outro ponto que merece a sua atenção é a preservação das áreas verdes ao redor do condomínio, uma vez que morar perto da natureza beneficia diretamente sua saúde e seu bem-estar físico e psicológico, potencializando a qualidade de vida.

Por isso, é tão importante buscar uma empresa séria, como a Viapark Urbanismo, que trabalha com o desenvolvimento de projetos de residenciais ecologicamente corretos. Isto é, busca minimizar os danos ambientais, resguardar a fauna e a flora locais e incluir o meio ambiente nos espaços de convivência dos moradores.

Componentes da área de lazer

Fora o que já foi dito, cheque com antecedência quais serão os componentes da área de lazer. Como exemplo, podemos citar quadras poliesportivas, equipamentos para exercício físico, pista de cooperplayground ao ar livre, entre outros.

Afinal, cedo ou tarde você vai querer desfrutar dela e chamar amigos e parentes para que eles também a aproveitem durante a visita. Logo, é interessante que ela seja diversificada e o mais completa possível para ser um bom passatempo e oferecer diversão e entretenimento na medida certa — especialmente quando se tem crianças pequenas e cheias de energia.

Tamanhos dos lotes disponíveis

Ao pesquisar diferentes loteamentos residenciais, verifique quais são os tamanhos disponíveis dos lotes. Em alguns, como o Alto dos Pinheiros, é possível encontrar aqueles que vão de 140,00 m² a 236,37 m². Já em outros, como o Vale do Itararé, estão disponíveis versões a partir de 300 m².

Essa informação é fundamental, pois a metragem disponível para venda precisa estar de acordo com os planos que você tem para esse espaço. Do contrário, você pode se arrepender no futuro por ter adquirido um lote menor do que precisava para ter uma casa realmente espaçosa, confortável, com área externa ampla, com piscina e, para completar, com recintos extras (como home office, sala de cinema, estúdio, biblioteca, sala de jogos, sauna etc.).

Opções de pagamento

Avalie quais são as opções de pagamento com as quais você conta para finalizar a aquisição do lote e construir o imóvel. Em muitos casos, além da compra à vista e dos financiamentos liberados por instituições bancárias, você também pode fazer uso do Minha Casa Minha Vida.

Dessa forma, pode conseguir parcelas com um valor inferior ao de outras linhas de crédito, ter desconto no registro imobiliário e utilizar o FGTS parcial ou totalmente para a entrada. Resumindo: quanto mais opções para realizar o seu objetivo, melhor será o processo de aquisição do seu novo lar.

Regras de padronização dos projetos residenciais

Antes de adquirir um lote para construção de casa em residencial, fique atento às regras de padronização para imóveis, como:

  • número máximo de andares;
  • limite de altura;
  • metragem mínima necessária para a moradia;
  • indicações de paleta de cores e revestimentos para áreas externas;
  • preservação dos recuos da propriedade.

Porém, não pense que essas normas existem para dificultar sua vida ou algo do tipo. Ao contrário, o propósito por trás delas é evitar que as residências fiquem com aparências muito destoantes entre si — o que afeta diretamente a estética do local — e tenham estruturas arquitetônicas que ultrapassem as delimitações do próprio lote — o que pode comprometer as construções realizadas por outros moradores e a livre circulação dos seus vizinhos.

Nível de acessibilidade

Para concluir o primeiro tópico, não deixe de analisar a acessibilidade do residencial fechado. Em outras palavras, avalie o nível de facilidade que você tem para chegar até a ele de carro, de transporte público e, inclusive, a pé — independentemente do ponto de partida ser o seu trabalho, a escola dos seus filhos, a casa de algum parente ou um centro comercial que você frequenta, por exemplo.

Isso lhe permitirá identificar se há muitas rotas que levam até o seu possível futuro endereço, o tempo médio de deslocamento que cada uma apresenta e o fluxo de tráfego que elas têm. Dessa maneira, dará para ter uma ideia se a sua mobilidade diária será dificultada ou facilitada ao escolher esse local para morar com a sua família.

Por que o perfil do comprador faz diferença?

Agora que você já têm ciência do que é preciso saber sobre como escolher um condomínio fechado antes de comprar um lote dentro de um residencial, nós vamos abordar a importância de passar por um processo de autoconhecimento e entender qual é o seu perfil de comprador.

Isso porque as experiências de vida, os hábitos, as particularidades, os objetivos e os anseios que o caracterizam e definem a sua realidade é que vão ajudá-lo a achar, com mais rapidez e precisão, o imóvel que você busca e, acima de tudo, atende às suas necessidades. Portanto, atente aos aspectos que abordaremos a seguir e identifique quais deles compõem ou não o seu perfil.

Finalidade do imóvel

Antes de mais nada, pondere sobre a finalidade que tanto o lote adquirido quanto o imóvel que será construído nele vão ter. Isso porque há pessoas que fazem esse tipo de investimento visando ter um novo lar para morar, outras buscando ampliar (e diversificar) o próprio patrimônio e algumas, por outro lado, em ter uma fonte posterior de lucro com a venda ou o aluguel da residência.

Logo, reconhecer qual desses objetivos é, de fato, o seu é de suma importância para evitar erros, arrependimentos futuros e poder traçar exatamente o tipo de propriedade ideal para concretizar os seus planos.

Situação financeira

A sua situação financeira ajuda a definir os limites do seu perfil de consumidor. A razão disso é que, a partir do seu orçamento, dos seus rendimentos e das suas reservas, é possível estabelecer quanto se quer investir na compra de um lote e a forma como se dará o pagamento por ele.

Além disso, essa questão também exerce influência no projeto que será desenvolvido para a construção da casa no local e em todos os detalhes internos e externos da moradia — para que ela possa proporcionar o mesmo padrão de vida que você tem na sua residência atual.

Tamanho da família

O tamanho da sua família é um aspecto que tem um grande peso sobre o seu perfil de comprador. Afinal, ao construir uma casa, você leva em consideração o número de pessoas que vão morar no imóvel, para que cada uma delas tenha o próprio espaço e, consequentemente, mais privacidade, tranquilidade e conforto.

Além disso, é comum que as pessoas planejem ter mais filhos ou apreciem receber regularmente um parente no lar durante uma temporada (que pode ser de semanas ou meses). Por esses motivos, vale a pena considerar o que o descreve melhor e como isso vai interferir no tamanho do lote e na quantidade de dormitórios do imóvel.

Necessidades especiais

O quesito necessidades especiais pode ser tanto relacionado a você mesmo quanto a um familiar que precisa ter não só o imóvel mais acessível como também a região onde mora para uma melhor mobilidade e uma maior autonomia no dia a dia. Logo, se há a intenção de morar em um condomínio fechado, os espaços compartilhados dele precisam estar devidamente adaptados.

Basta lembrar que quase um quarto dos brasileiros (cerca de 45,6 milhões) tem algum tipo de deficiência, conforme aponta nota da Unesco. Não se esqueça também dos idosos, que podem demandar cuidados especiais. Portanto, se isso é algo que faz parte da sua realidade, sem dúvidas também contribuirá para definir o seu perfil de comprador.

Prioridades pessoais

Você sabe quais são as suas prioridades? Se não, já pensou nos motivos pessoais que o estão levando a adquirir um novo lar? Você pode estar buscando viver em uma região mais tranquila e pacata, em uma localidade mais segura para que os seus filhos cresçam sem medo e com mais liberdade, em um área que permita uma maior integração com a natureza etc.

Portanto, é imprescindível ter bem claro quais são as suas razões para efetivar essa compra, pois esses fatores devem ser avaliados durante as pesquisas e, em especial, as visitas a diferentes residenciais da sua cidade.

Capacidade de adaptação às regras

Enquanto algumas pessoas se adaptam muito bem ao regimento interno dos condomínios, há outras que não estão acostumadas a isso (por terem morado sempre em residências regulares) ou até mesmo não apreciam seguir regras que envolvam controle de ruídos em determinados horários do dia, criação de animais de estimação, aviso antecipado sobre obras, utilização dos espaços compartilhados, entre outras.

Por isso, é importante lembrar que essas normas, sejam elas estabelecidas pelo estatuto dos condôminos, sejam  pelo Código de Processo Civil, visam reforçar e manter o bom convívio comunitário, que é uma proposta fortemente presente em residenciais fechados. Logo, ponderar sobre a sua capacidade de adaptação a elas é essencial.

Quais as vantagens de um condomínio fechado?

Para encerrar este artigo sobre como escolher um condomínio fechado, reunimos algumas das principais vantagens que mostram por que ele tem atraído cada vez mais pessoas nos últimos anos e se tornado um investimento de excelência para quem busca qualidade de vida e a criação de um patrimônio sólido e duradouro. Confira, abaixo, quais são elas.

Área de lazer

A primeira delas é a existência da área de lazer. Esse espaço permite que você tenha opções de entretenimento sem custo a poucos metros de casa, que seus filhos contem com um ambiente seguro para se exercitar, brincar e se divertir sob a sua supervisão e, de quebra, que você passe mais tempo de qualidade com a sua família.

Para completar, a área de lazer é ideal para fazer reuniões, encontros e celebrações com parentes, amigos e vizinhos em datas comemorativas, aniversários, formatura, chá de bebê e muito mais. Em suma, a área de lazer é um local de integração e vivência de bons momentos

Socialização

Devido ao compartilhamento não só da área de lazer, como também dos demais espaços do residencial fechado, é estimulado constantemente um senso de comunidade entre os moradores. Isto é, as pessoas que moram ao seu redor se tornam muito mais do que apenas os seus vizinhos. Eles passam a ser amigos e colegas que, ao seu lado, contribuem para que todos tenham um ambiente de convivência harmonioso, pacífico e proveitoso.

Morar em um local assim faz uma grande diferença para quem tem filhos, ainda mais na fase da infância, pois eles interagem com outras crianças da mesma faixa etária, desenvolvem um melhor equilíbrio psicoemocional e aprendem novas habilidades sociais e de comunicação.

Segurança

Um terceiro benefício é a segurança. Afinal de contas, os moradores dispõem de portaria que limita a entrada de pessoas no local, liberando, é claro, apenas aqueles que residem ali e os que são convidados ou autorizados por eles.

Fora isso, há os equipamentos de monitoramento e vigilância em todos os espaços de uso coletivo (como circuito fechado de TV, sensores de movimento, iluminação perimetral e alarmes) e a presença de grades e muros reforçados em todo o entorno do residencial.

Vale mencionar ainda que, a critério do que é acordado nas assembleias entre os residentes do condomínio, é possível contratar empresas de segurança patrimonial com central 24 horas para que haja rondas e escoltas permanente cobrindo todo o perímetro do loteamento.

Acesso restrito

Outra vantagem de morar em um condomínio fechado é que o acesso ao interior dele é restrito. Na prática, isso significa que não terá ninguém tocando a sua campainha, muito menos batendo na sua porta quando tudo o que você deseja é descansar vendo um filme, fazer uma refeição, estar com a sua família, ajudar o seu filho na tarefa de casa dele ou simplesmente dormir.

Isso pode parecer algo bobo, mas, muitas vezes, as pessoas que moram em residências comuns acabam perdendo o sossego domiciliar por conta de indivíduos que importunam nos mais diferentes horários a fim de entregar panfletos, vender coisas, promover eventos, avisar sobre a abertura de novos comércios e por aí vai. Ou seja, a sua tranquilidade será preservada!

Personalização do lar

A compra de um lote em um condomínio fechado tem uma grande vantagem sobre a aquisição de um imóvel já construído: a chance de personalizar a residência de acordo com a sua vontade, principalmente na parte interna. Isso ocorre porque você tem a total autonomia de decidir quantos dormitórios vão existir, qual será o tamanho dos ambientes, se haverá integração entre os cômodos, o número de pavimentos, a altura do pé-direito etc.

Além disso, você tem a liberdade de reformar e até alterar a estrutura do local caso queira. Um leque de possibilidades do qual o morador de um apartamento, por exemplo, não desfruta, pois há padronizações internas rígidas e uma estrutura predial compartilhada por todos os condôminos.

Presença maior da natureza

Ao ter uma casa em um residencial, você pode ter um contato muito maior com a natureza já que, fora as áreas verdes do próprio condomínio, há a possibilidade de usar uma parte da metragem do seu lote para ter um jardim e, inclusive, um quintal. Dois locais que dificilmente existem em edifícios, por exemplo, devido às limitações estruturais deles.

Com isso, dá para investir em paisagismo e jardinagem — que são práticas terapêuticas e bastante úteis no combate ao estresse e à ansiedade —, no cultivo de uma horta para ter alimentos orgânicos e ensinar os princípios da sustentabilidade às crianças e, de quebra, até pensar em criar pets que necessitam de espaços mais amplos para circular e do contato com a terra, como cágados e jabutis.

Incentivo à prática de atividade física

Uma área de lazer com espaços que propiciam a prática de atividade física, você tem um incentivo constante para se exercitar perto do seu lar, sem custo adicional por isso — como ocorreria em uma academia ou um clube de ginástica — e o melhor: em qualquer horário do dia.

Dessa maneira, torna-se mais fácil deixar o sedentarismo de lado, adotar uma rotina com prática esportiva regular e cuidar de algo que é fundamental: a sua saúde. Lembre-se de que se manter ativo melhora a circulação sanguínea, fortalece a estrutura osteomuscular, aumenta a sua resistência e ajuda a retardar os efeitos do envelhecimento. Sem falar, é claro, que os seus filhos terão um exemplo em casa a ser seguido!

Como você leu, saber como escolher um condomínio fechado requer atenção e um processo de avaliação rigoroso para adquirir um lote em um espaço seguro, bem localizado, com excelente infraestrutura e presença de área verde para fornecer o melhor padrão de vida para a sua família.

Portanto, siga as nossas dicas e conheça mais sobre os loteamentos da Viapark Urbanismo (Vale do Itararé e Alto dos Pinheiros) que, além de contarem com todos esses aspectos, são ecologicamente corretos e com uma localização privilegiada de Itararé.

Se você gostou do post, não perca tempo e entre em contato com a gente para ficar por dentro de como dar o próximo passo na aquisição do seu lote!

Deixe uma resposta

Open chat
Powered by